Peitos são perfeitos

dez 04

Peitos são perfeitos

Pequenas, médias ou grandes. Duras ou moles. Empinadas ou caídas. Cada uma do seu jeitinho, sempre achei que as mamas femininas tivessem a única função de amamentar a possível prole e, por isso mesmo, são lindas de qualquer maneira. Mas os homens não acham isso. Para eles (sem generalizar) as mamas são seios que integram um objeto sexual maior chamado de mulher.  E isso ficou muito mais explícito após assistir à palestra da filósofa e feminista Márcia Tiburi, do blog www.filosofiacinza.com

De acordo com a Márcia, o Brasil é o 2º país que mais realiza intervenção de próteses nos seios. Isso mesmo, um país no qual 118 milhões de cidadãos ainda não têm acesso a esgoto tratado, a mulherada está preocupada com os peitos. E não estamos falando em cirurgias reconstrutivas pós-câncer de mama (nesse caso, mais do que digno). Estamos falando de ter peitão pra pegar gatão.

Eu acho que cada mulher tem todo o direito de se sentir bela, mas para ela mesma. E isso não significa que todas devem ter os cabelos alisados, pintados de loiro, os pelos descoloridos e os peitos bombando. Cada uma é bela ao seu modo. Esse modo anterior citado é aquele que agrada aos homens, e que nós, do sexo feminino e heterossexuais, estamos adotando desde que “ficamos sabendo” que mulher boa é aquela desejada pelos homens (sim, os mesmos homens que trocam de mulheres boas quando um outra melhor esteticamente aparece).

 

Clarice Lispector

 

Deixamos de comer o que nos dá prazer, malhamos sem vontade, transamos mesmo cansadas, gastamos o que não temos, vivemos nos depreciando. Tudo isso para eles, os machos-alfas que durante a história da humanidade criaram um mundo machista no qual a mulher serve para reproduzir.  Mais uma vez não quero generalizar, porque eu mesma tenho um namorado extremamente alinhado ao pensamento feminista e que é o primeiro a concordar que a mulher tem beleza interior. E ponto.

Você pode ser saudável,pode usar a roupa que bem entender, pode pintar as unhas cabelo e bigode. Mas, faça isso para se olhar no espelho e dizer:  nossa, esse conteúdo externo realça ainda mais a minha alma.

Para finalizar, só quero aqui manifestar o meu apoio e solidariedade às mulheres que passaram por um câncer de mama. Além de sofrerem com todo o processo de quimioterapia, as que passam por uma mastectomia ainda têm que lidar com a dor de perder algo tão ligado à sexualidade (e que não precisaria ser assim).

 

Fernanda, Adriana e Talita: meninas com peitos. E perfeitas! Foto: Beto Moussalli

 

Adriana Santos, 34, é jornalista de formação e fofoqueira de coração. Leonina com muito orgulho e cheia de clichês óbvios, acredita no amor, não só o de homem e mulher, mas o amor que faz o mundo continuar evoluindo.
Share Button

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*